Tags

, , ,

Esse mês a lista ficou pequena, não quis colocar mais livros de colorir (já que a cada mês lança mais livros desse tipo que no anterior) e lançaram poucos livros que eu realmente me interessei, mas aqui está minha minúscula “lista” de desejados de Junho.

A Menina Submersa: Memorias – Caitlín R. Kiernan – DarkSide® Books

A_MENINA_SUBMERSA_MEMORIAS_1430859976369594SK1430859976BAlem de ser lindo de morrer a(a Dark Side sempre capricha) a premissa desse livro parece super interessante. Adoro histórias com criatura sobrenaturais, mas confesso que nunca li nada relacionado à sereias então demorou dar uma chance e é claro que entrou pra lista dos desejados.

Com uma narração intrigante, não-linear e uma prosa magnífica, Caitlín vai moldando a sua obsessiva personagem. Imp é uma narradora não-confiável e que testa o leitor durante toda a viagem, interrompe a si mesma, insere contos que escreveu, pedaços de poesia, descrições de quadros e referências a artistas reais e imaginários durante a narrativa. Ao fazer isso, a autora consegue criar algo inteiramente novo dentro do mundo do horror, da fantasia e do thriller psicológico.

Minha Sexlist – Joanna Bolouri – Rocco

MINHA_SEXLIST_1433170539453316SK1433170539BNão sei o que me chamou mais a atenção, se a capa ou a sinopse sei é que o conjunto deles me fez interessar por esse livro e a pesar de bem diferente do que estou acostumada à ler fiquei com muita vontade de saber mais sobre essa história.

Esqueça a tradicional lista com resoluções de início de ano do tipo parar de fumar, entrar na academia, arrumar um novo emprego e embarque com Phoebe Henderson num desafio bem mais ousado e original. Depois de flagrar o ex com outra, a protagonista de Minha sexlist inova em suas promessas de ano novo e estabelece a meta de realizar dez desafios sexuais em um ano. Entre tentativas e erros envolvendo desde o bonitão do escritório ao melhor amigo, Phoebe percebe, do alto de seus 32 anos, que pôr o plano em prática não é das tarefas mais fáceis, e registra suas descobertas, alegrias e frustrações nessa espécie de diário sexy franco e bem-humorado.

Como eu disse a “lista” – se é que eu posso chamar assim- deste mês ficou “minusculinha – como já dirina minha cunhadinha- se você tem alguma sugestão para mim deixa aqui nos comentários.

Anúncios